menu-topo

E quando...

sexta-feira, novembro 23, 2012
lemos um texto assim!

7 comentários:

  1. Cruzes credo! Mas devo confessar que me ri! e me revejo em algumas coisas! é mesmo uma coisa do outro mundo "já fizeste um cócózinho à mãe"? GOD! é mesmo assim, mas é simplesmente maravilhoso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah Também me ri muito.
      Não há um único dia em que não chego
      ao trablaho com uma nódoa!
      Umas vezes até achei que era ranho...;)

      Eliminar
  2. Um dia normal de uma mãe... Sealhar com algum exagero, mas ri um bocadinho;)
    Eu é que costumo dizer, desde que sou mãe perdi o brio todo... Mas tudo compensa;) compensa muito;)

    ResponderEliminar
  3. Como a percebo... nós também eramos uns "enojadinhos".
    Mais que os cócós, os ranhos deixavam-nos, especialmente a mim (e nos filhos dos outros ainda deixam) perfeitamente horrorizados!
    Quando o baby da casa nasceu começamos a dar por nós a dizer coisas como "hoje fez um cócó MUITO bom!". CÓCÓ BOM???!!!!! Mas o que é isto!???????? :)
    LOL
    E limpar ranhos com a nossa própria MÃOOOOO quando não há um lenço por perto???!!! Quem nos viu e quem nos vê! :)

    ResponderEliminar
  4. é bem verdade ... o Anónimo fez-me rir..e muito!!! antigamente( quando não existia a catarina e só existiam os sobrinhos pequeninos) passava-se os convivios aperguntar fez cocó? e era bom? mas mt pouco?? eu pensava:- mas será que esta gente só pensa nisto???? ...mas agora entendo!!..agora também dou por mim a fazer as mais pequenas parvoices e a vibrar de alegria com coisas menores mas que para uma mãe têm muita importância!!

    ResponderEliminar
  5. É mesmo! Há uma altura em que podíamos fazer um diário do cocó! Só nunca consegui o aspirador nasal! Esse é que fico mesmo a pronto de vomitar...
    Fiz uma vez e só de pensar ainda me enjoo!;)

    ResponderEliminar