menu-topo

Caça desenfreada a grandes demónios: Os Piolhos!

terça-feira, fevereiro 19, 2013
Podem-me perguntar tudo acerca dos sacanas
que estou à vontadinha!
Nunca pensei que Ser tão pequeno - quer dizer, mais ou menos pequeno -
pudesse ser tão resistente e movimentasse uma família inteira
à volta dele deles!
Foi um final de tarde/noite dedicada à caça... espero que com sucesso!
É como tudo na vida da maternidade... Há várias dicas,
remédios, mesinhas, e tendência corte de cabelo 2013...
Tudo conta para nos livrarmos destes seres horrorosos!
E não, ter piolhos não é sinal de falta de higiene.
Os bichos gostam de todas as cabeças.
Segundo o que ouvi, até gostam mais dos limpinhos
que não escorregam e se deixam agarrar melhor.
- Afinal, piolhos são sinal de limpeza!!! -
Obrigada por toda a ajuda! Foi mesmo bom contar
com vocês nesta extreminação!

Fica aqui tuuudddoooo o que aprendi sobre este OSSO DURO DE ROER!
(Não vos desejo mal destes, mas mais vale prevenir!!!)

Que animais são estes?!
São parasitas, os piolhos são de cor castanho-acinzentada
e as lêndeas brancas (muito chato para loiros)
com cerca de 2,5 mm de comprimento (blherrrccc!!!)

Do que eles gostam?
De escolas.
De crianças.
De pôr ovos nos fios de cabelo, juntinho ao couro cabeludo:
as chamadas LÊNDEAS!

Quando atacam?
Quando lhes apetece basicamente...
Gostam do regresso às aulas e de saltar de cabeça-e-cabeça.
Dá-lhes muita saúde a partilha de escovas, chapéus
e outros objectos que possam servir de contacto com outra moleirinha.
Quando os vemos, quer dizer que já lá andam pelo menos há duas semanas...
Ou seja, quem já esteve perto daquela cabeça pode ter apanhado sem saber.

O que não os afecta?
Classes sociais, limpeza, pobreza, sujidade, comprimento do cabelo...
(vai tudo a eito!)

O que fazem?
Comichões a quem os tem e a quem (ainda) não os tem!
Irritação da pele, vísivel quase sempre atrás das orelhas e na nuca.
Alimentam-se de sangue, mas não é a "pica" que faz comichão.
É a saliva que deitam quando chupam o sangue
(bllhhheeercccc ainda maior!!!!)
que faz uma espécie de alergia.

O fim do amor?
O piolho só morre se não tiver cabelo.
48 horas de vida para eles, 10 dias de vida para a lêndea.
Uma coisa é certa. O bicho é forte.
É que se já há tanta doença erradicada ao longo dos tempos,
este animal tem se modificado de forma a vencer
os tratamentos. E o bem que se vivia sem eles...
Que raio de Ser!!!

Mesinhas?
Ouvi falar dois super-poderes:
Vinagre e maionese.
Não experimentei, mas se funciona
acho perfeito!


Como dar cabo deles?
Vão ouvir mil marcas, mil opiniões, mil atitudes...
Nada como a experiência
(o melhor era não nos  tornarmos experientes, mas enfim...)
e paciência para dominar o bicho.
Vai dar por si a coçar-se e o melhor é mesmo fazer um combate geral
que se alastre a toda a família.
Há champôs muito eficazes (fale com o pediatra ou farmacêutico).
Já há uma vasta oferta e é só escolher.
Visto que o período de incubação dura entre 6 a 10 dias
vai ter de repetir para dar conta
de todos os que resistiram ao primeiro combate.
Mesmo! É que eles são danados e cada vez mais resistentes.
Pentear os cabelos com um pente de dentes apertados
(durante vários dias).
Ponha-lhes um filmezinho e faça isso com calma ao serão!
Se conseguir ponha vinagre durante meia hora no cabelo.
Isto torna as lêndeas mais facéis de tirar
já que elas estão agarradas que nem lapas a fazer pela vida.
Atenção que a comichão pode continuar mesmo depois de
já estar tudo ok.
Mas controle! Uma vez infestado, controle semanal.
Tirar tudo!!!
Lençóis, fronhas, escovas, toalhas de banho.
Meta tudo para lavar a altas temperaturas logo!
O que não pode ser lavado muito quente tem de ir
de quarentena selado num saco de plástico por 4 semanas.
(Imaginem a força dos bichos...)
Não se aconselha insecticidas para o ambiente.
Esqueça o cão e o gato.
O piolho não se transmite aos animais.

E as escolas?
Cada uma tem as suas regras
mas o mais normal é mandarem-na passear...
a vocês e aos piolhos!

Procurei piolhices aqui!, aqui! e aqui! ...
fora as dicas de todas as mães que me ajudaram!

(Como actuei na realidade:
Usei Stop Piolhos, foi a farmacêutica que disse
depois de questionada sobre: O que daria ao seu filho?!
- este não tem inseticida -
Pente fino já incluído no champô,
Tudo para lavar (e. pai e irmãe incluídos).
Um corte novo na girl que a própria pediu.
Não tem nada a ver, mas acho que ela queria mesmo mudar de look!)
- Dizem que é difícil encontar piolhos vivos.
Olhem... Encontrei DOIS!!! -
E agora rezem para que . no fim de tudo isto -
a minha cabeça se mantenha livre desta praga!

15 comentários:

  1. Bem, vejo que tem a lição toda estudada :))) Obrigada pelas dicas. No J.I. onde trabalho, ultimamente, aparecem os ditos e é um drama...Costumo andar de cabelo atado e quando sei que pode haver visitas uso um repelente "Paranix Repel".Para o J. tem sido tiro e queda pois na escola dele há constantemente piolhitos.Como tem o cabelo claro ando sempre apavorada mas até agora estamos safos!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Uma amiga educadora infantil aconselhou-me, como preventivo, a pôr um bocadinho de perfume, colónia ou qualquer coisa do género na cabeça, não sei se é mito mas o fato é que a minha pequenina ainda não apanhou e como não custa nada e a cabecinha fica cheirosa... Beijinhos. Silvia

    ResponderEliminar
  3. Ai o drama da pediculose!!! :-) Conhecias este termo?
    Vinagre ajuda mesmo... uso sempre e já a minha mãe usava em nós! Ficas com o cabelo a cheirar a salada como dizia a minha irmã, mas que ajuda, ajuda!!!

    kiss kiss

    ResponderEliminar
  4. Lá por casa já tivemos um episódio na primavera do ano passado e é mesmo desesperante ver os miúdos infestados daquelas criaturas oportunistas, que teimam em reincidir!
    Atacámos com o NIX recomendado pela pediatra (curiosamente estas coisas são caras e não são comparticipadas) e sempre a passar o pente fino durante umas semanas. Acabei por apanhar também, é horrível sentir aquela invasão, e o pai também foi desinfestado preventivamente. Fica toda a gente sugestionada à mínima coceira!
    A acrescentar ao guia devo dizer que é importante as escolas serem prevenidas, não para mandarem os meninos para casa, mas para prevenirem outros pais, para que também tratem os filhos. Julgo que foi por isso que a minha miúda reincidiu, por "não ter havido" outros casos não preveniram ninguém. Há vergonha dos pais no assunto, pudor nas escolas em dizer que lá se apanha disto e torna-se epidemia!
    A pediatra relatou-nos o episódio de um colégio "requintado" em que se tornou desastroso controlar e demorou muito tempo!

    ResponderEliminar
  5. eheheh... só agora vi este post e dei as dicas no anterior!
    Mas já agora uma notícia: podem não ser o mesmo tipo de piolhos, mas a passarada tem imensos piolhos!!!
    Lembro-me quando era pequena e ia buscar os ovos aos galinheiro do meu avô, que me punham um lencinho no cabelo e que o tirava depois de sair do galinheiro...
    Por acaso, nunca apanhei piolhos, mas na minha escola primária, de vez em quando havia uma inspecção regular às cabeleiras, e lembro-me que a minha melhor amiga e companheira de carteira lhe foi detectada e retirada uma lêndea... a pobre teve um desgosto e sentiu o estigma por muito tempo.
    Infelizmente, ainda hoje existe esse estigma: um disparate pegado. Os piolhos não escolhem classe social e mesmo pessoas com apertdíssimos hábitos de higiene são vitimas de piolhos.
    E aqui entre nós: vistos ao microscópio são criatura horrendas e capazes de serem personagens principais do pesadelo de qualquer adulto. BLARGHHH!

    ResponderEliminar
  6. Uma boa notícia: eles detestam cabelos pintados! :D

    ResponderEliminar
  7. Esta foi a melhor notícia de sempre!!!
    Obrigada C

    ResponderEliminar
  8. Ai Rita como te entendo.....já vivi esse pesadelo a dois dias do meu terceiro filho nascer.Tb fiquei a saber tudo sobre esses bichos.Foi a loucura!!!!Usei tb esse champô e durante um tempo logo pela manhã,antes de irem para a escola colocava um spray q existe tb dessa marca.Recomendo.E fica atenta pq como disseste eles são de uma resistência atroz.Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Bom dia,
    Os piolhos são uma praga terrível,mesmo que tenhamos cuidado com as crianças,se estas estiverem com outras crianças infestadas,vamos ter que passar o tempo todo a usar eliminador de piolhos.Por isso eu recomendo o producto Nosa Spray tripla ação,tem ação repelente,protecção aos cabelos com filtro solar e ainda desembaraça o cabelo,com um agradável aroma a morango para menina e maça para menino.
    Pode ser encontrado em farmácias ou em lojas online.
    uecosmeticos.shopmania.biz
    Espero ter ajudado,
    Cristina Ferreira

    ResponderEliminar
  10. Boa noite,
    Os produtos não conseguem eliminar a totalidade das lêndeas e o problema acaba por persistir. Aconselho quem precise a consultar a Clínica do Piolho, pois apenas numa sessão eliminam a totalidade dos piolhos e lêndeas. São a única clínica do género em Portugal e utilizam um método inovador de tratamento da pediculose e sem recurso a qualquer químico.Estão localizados na Cruz Quebrada (perto do Estádio Nacional, na região de Lisboa. Recomendo

    ResponderEliminar
  11. Boa noite,
    Os produtos nunca matam as lêndeas mesmo que o digam e passado uma semana tudo recomeça. Existe a Clínica do Piolho que consegue, apenas numa sessão, eliminar a totalidade dos piolhos e lêndeas. São a única clínica do género em Portugal e utilizam um método inovador e sem recurso a químicos. Utilizam um dispositivo que mata por desidratação e fazem a limpeza total de toda a cabeça. A Clínica fica localizada na zona de Lisboa, na Cruz Quebrada (perto do Estádio Nacional). Consultem http://www.clinicadopiolho.com/. Recomendo pois já experimentei.

    ResponderEliminar
  12. Boa noite,
    Os produtos não conseguem eliminar a totalidade das lêndeas e o problema acaba por persistir. Aconselho quem precise a consultar a Clínica do Piolho, pois apenas numa sessão eliminam a totalidade dos piolhos e lêndeas. São a única clínica do género em Portugal e utilizam um método inovador de tratamento da pediculose e sem recurso a qualquer químico.Estão localizados na Cruz Quebrada (perto do Estádio Nacional, na região de Lisboa. Recomendo

    ResponderEliminar
  13. Adorei a explicação... aqui já usei toda a farmácia... fasso repelente e tudo!!!! Vinagre, azeite, maionese... a salada toda looool e assim k m distraiu lá aparece a moça tapada 😕 e eu k apanha quase sempre... temos um sangue doce é o k é....

    ResponderEliminar
  14. Estou a passar pelo drama. Já usei p-stop tratento, vinagre... Depois comprei elimax é tao oleoso q tive de lavar o cabelo umas 5 vezes. Fiz isto 8 dias e n é que passado dois dias de acabar o tratamento vi lêndeas. Que praaaaga. Comprei óleo de arvore de chá pra por no shampoo pq li algures q era ótimo,não duvido, mas ela fez reação :(. Que estafa.

    ResponderEliminar