menu-topo

Trabalhar ao fim-de-semana...

domingo, março 31, 2013
é duríssimo para uma mãe.
Implica mudar a vida de muita gente, implica abdicar de tempo com os filhos, implica deitar tarde, não ter tempo para nada, ter a casa de pernas para o ar, ter mil máquinas para fazer e saber que, no dia seguinte, se repete tudo outra vez.
Trabalhar ao fim-de-semana com um horário maluco piora ainda mais as coisas.
No Natal, vou pedir para não trabalhar mais ao fim-de-semana...
A ver se não me sai o tiro pela colatra.

          O Socorro! Sou mãe... também está no Facebook



1 comentário:

  1. Não sei se sou eu que sonho demais, mas as empresas/instituições deviam ser sensíveis e perguntar às MÃES se querem/podem trabalhar ao fim-de-semana. Há tanta gente sem filhos que pode fazer esse trabalho! :P

    ResponderEliminar