menu-topo

Os 3 da vida airada.

quinta-feira, junho 26, 2014
Tinha aqui umas histórias para contar que queria guardar no blog. Para um dia mais tarde me rir à gargalhada. 
A primeira é o tom de voz que com que a Girl chama o Buddy. Não calculam os decibéis com que amanhece a dizer:
- Oh Buddyyyyyy!!! Que queriiiiido!!!! Quem é o cão mais liiiindo?!?
Bem, ele gosta mas os vidros quase que racham.
O Duarte, ao princípio, teve um bocado de ciúmes do novo membro. Parecia que tinha tido um terceiro filho e tive imenso cuidado nesta adaptação. Agora já está tudo a correr bem. 
Mas a melhor história até hoje foi quando, no hotel do Algarve, as senhoras amorosas foram arrumar o quarto e deixaram uns bombons de chocolate em cima das camas, naquele gesto de simpatia destes espaços. {O nosso cão só come ração e aqueles ossos para roer. Foi a veterinária que proibiu!}
Quando voltámos a casa já só restavam os embrulhos.
E aí é que foi. O drama e a tragédia, choro de meia noite, a dizerem que já não gostavam dele e que, nunca mais iam ser amigos dele. Eunpreocupada com o cão e eles a carpir os chocolates perdidos!
Ahahahaha
O ponto ao que os meus filhos chegaram por serem tão gulosos!!!

2 comentários:

  1. Ahahah!
    Queria só dizer para terem cuidado com os chocolates... são produtos tóxicos para os cães e por isso, convém não deixar a jeito.
    Cá em casa a Leia adora cenoura (qual coelho, qual quê) e é uma óptima solução à limpeza dentária para além de saudável. ;)

    ResponderEliminar
  2. Não quero estragar a história, mas cuidado com os chocolates, são tóxicos para os cães. Já agora, a cebola e as uvas também! A minha cadela teve uma gastroentrite hemorrágica por ter comido uma uva. Descobrimos da pior maneira.

    ResponderEliminar