menu-topo

O nosso regresso.

terça-feira, setembro 02, 2014
Lentamente para não se notar e porque a girl este ano entrou na escola pública vamos começando a preparar o regresso às aulas. 
Canetas, cadernos e a tara destas novas mochilas Tommy Hilfiger prontas a encherem-se de coisas boas, como a amizade, a alegria e deixar sair as saudades que já não cabem lá dentro.
Esta semana ainda estão num campo de férias da parte da manhã. Vou buscá-los depois do almoço quando saio do trabalho. 
Aliás, este mês é a loucura de sessões. 
Estou a arriscar mais. Já fiz um batizado e vou fazer um casamento, mas porque me pediram mesmo muito. Tenho medo ainda. São datas importantes e não quero falhar. 
Muitos perguntam como consigo ter dois trabalhos, quando quase todos os fotógrafos estão apenas dedicados só à fotografia,  e ainda estar presente para os meus filhos... 
Ora que é aqui, nestes eventos maiores, que desliguei o chip. Seria muita coisa ao mesmo tempo. Ocupam muito tempo, exigem mais material e disponibilidade. Mas quem sabe... E afinal até correram bem!
Voltando ao regresso... O mês vai ser a loucura mas prefiro continuar a entrar devagarinho no ritmo. E quero aproveitar todo o tempo livre com eles.
Mesmo que isso me saia do pêlo. Mais um ano e a girl entra na primária. Mais um ano e é a sério. Com horários maiores e mais tempo longe deles. E sinto tanto a pressa de aproveitar o agora. 
Está feita a decisão. Vou passar o ano a ir buscá-la mais cedo ainda, sem a pôr nos ATL,  e conciliar vai ser [ainda mais] o grande puzzle deste ano. Isto significa que a vou buscar às 15h e que algum tempo livre que tinha para resolver coisas dormir vai deixar de existir. Vou continuar a acordar às 5h30 da manhã, vou continuar a editar à noite e com sessões de dia. Afinal eles nunca mais vão ter este tempo para mim. Vamos a isso!
Back to school!!!









8 comentários:

  1. Realmente admiro-a pela sua capacidade de multitasking! Como consegue ainda editar à noite se acorda tão cedo? Eu acordo 1h mais tarde e às 22h estou a cair! Como deito a minha filha lá para as 21h o tempo que me sobra é para preparar as coisas do dia seguinte. Por vezes questiono-me se sou eu que não sei aproveitar o tempo.... Espero que lhe corra tudo bem com a fotografia porque o que vejo por aqui é óptimo! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!! Às vezes durmo 4, 5 horas mas não recomendo a ninguém... Aproveitava antes de os ir buscar à escola, quando não ia à ginástica, para dormir uma sestinha. Mas nem todos os dias são dia de edição... Nos outros tento deitar-me mais cedo... nem sempre consigo ;)
      Muito obrigada pela mensagem tão querida!

      Eliminar
    2. Gosto mesmo muito de a ler! Pois eu em precisava de dormir assim pouco para fazer tudo o que preciso... Mas é tão difícil manter os olhos abertos... Chateia-me é que sinto a vida tal qual areia a escorregar por entre os meus dedos e eu sem lhe sentir todos os grãos...

      Eliminar
    3. Toda a gente sente isso, descanse. Termos consciência e tentarmos melhorar é onde está o ganho ;)
      Mil beijos!!!! <3

      Eliminar
  2. Olá Rita, tenho uma menina de 2 anos e tenho pensado muito se quando for para a primária a coloco no ensino público ou privado. Assim de repetente optaria pelo público, mas tenho tantas duvidas sobre a qualidade de ensino, sobre o que podem oferecer à minha filha a este nível, que actividades extra têm, se ela terá realmente umas boas bases de ensino...tenho procurado artigos sobre esta temática mas sem sucesso, se conhecer diga-me PF;-) E gostaria claro de ter a sua opinião do tema.:-) um beijinho e obg!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cátia. Vou responder em post porque já me perguntam sobre este assunto há algum tempo.
      Um beijinho enorme e até já!

      Eliminar
  3. Olá Rita! O regresso às aulas é sempre um momento de alguma ansiedade! A articulação dos horários não é fácil e acordar tão cedo deve ser bem complicado! Por outro lado, tem a vantagem de os poder acompanhar no final do dia, com os tpc's, brincadeiras e afins! A escola primário para mim foi (é!) complicado e a opção pública/privada ainda mais... Um beijinho e que corra tudo bem! Sandra

    ResponderEliminar