menu-topo

Carta aos meus filhos #5

domingo, dezembro 21, 2014
Queridos filhos. Daqui mãe.

Nunca deixem nada por dizer. Nunca deixem nada por fazer. Nunca se esqueçam de alguém que precisa. Nunca deixem o tempo ganhar ao vosso coração. 
O arrependimento é a pior doença que existe e que vos pode corroer por dentro.
Quando alguém precisar de vocês, mesmo que vos custe no momento, vão. Mesmo que não possam fazer nada, mesmo que não sirvam ou não cheguem, mas vão.
Na altura pode ser difícil, mas acreditem que no futuro, se não forem, vai vos custar muito mais.
Durmam todas as noites com a sensação de que fizeram tudo ao vosso alcance. Esse é o melhor sono.

Adoro-vos, mãe.

2 comentários:

  1. Rita, subscrevo tudo o que escreveu . Podia ter sido eu a escrevê-lo pq , infelizmente, a vida ensinou-mo. Um abraço apertado . ip

    ResponderEliminar
  2. Lindo! estes são talvez os meu post's preferidos! Fazer rir e chorar que nem uma madalena, é assim o amor!
    Parabéns Rita!

    ResponderEliminar