menu-topo

Dia da mãe #2

domingo, maio 03, 2015
Percebi que esqueci os enjoos e aquele cheiro do sofá que me levava diariamente direta à casa de banho. Esqueci os 9 meses dos desconfortos, dos tornozelos gigantes, da barriga enorme, daquele pé no tórax e que não me deixava respirar, das caimbrãs que me faziam acordar, da ciática que me deu vontade de chorar, da azia que me visitava todas as noites no final, dos nervos e da ansiedade de saber que estavam bem e que tudo ia correr bem. Do espetarem o soro, de me ligarem a tantas máquinas e estar deitada numa cama à espera que algo se passasse [erro meu], daquele choquezinho na coluna dos nervos da epidural [e de me lembrar das histórias horríveis que se contam a uma grávida], do pós parto, do meu vestido com que entrei grávida não me caber quando saí da maternidade, dos dias depois. Da subida do leite, do início da amamentação. Quase me esqueci do peso daquele ovo. Dos programas a que deixei de ir. Da trabalheira de escolher uma escola de rezar para que entrassem - e da tristeza que foi regressar ao trabalho. Do final da amamentação. Do tempo que deixei de ter para o vosso pai. Só às vezes me lembro que o meu pé aumentou 2 números e que o meu corpo está tão diferente. Esqueci-me tamém do que é dormir até tarde e do poder estar sem fazer nada, embora às vezes isto me venha à cabeça. Percebi que me esqueci de tanta coisa.

Ao contrário lembro-me tanto de quando dormiam ao meu colo e o nosso peito era um só. Quando percebia que seríamos dois corações a bater em conjunto para o resto da vida. De quando se mexiam dentro de mim e er um misto nervoso-alegria de saber que tinha uma vida em mim. Sinto isso ainda, todos os dias!
Obrigada pelo privilégio de ser mãe. Vossa mãe!
E uma visita a estas fotos da Susana que amo!!!!

4 comentários:

  1. as fotos estão maravilhosas mas esse texto que as acompanha está tão bom de tão verdadeiro que é .
    beijinhos e um feliz dia da mãe todos os dias da vossa vida.

    Carolina Melo

    ResponderEliminar