menu-topo

A magia do pós Natal

domingo, dezembro 27, 2015
Acho que é dos momentos que mais gosto. Quando, já descansados e em casa, se aproveita a correria do que passou.
Nunca têm muitos presentes mas tentamos dar aquele que queriam mesmo. Lembramos que há quem não tenha nada para darem valor. E sentir aquela magia do desembrulhar o que desejavam há meses.

4 comentários:

  1. É mesmo essa a mensagem. Eu não logo nada a presentes, sou mais pela mesa da consoada. Mas adoro oferecer. E acho que com pouco, pode significar imenso. Parabéns Rita por conseguir criar duas crianças lindas com esses valores preciosos .
    Adoro o ar de quem acabou de acordar!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente! A magia do Natal é maravilhosa: a família reunida, as luzes mágicas, a disposição das pessoas muito mais alegre e solidária e os presentes claro, que devem ser apreciados mas não subvalorizados.
    Também tento que não ofereçam demasiados presentes à minha filha de 21 meses. Ela não precisa de muitos brinquedos e não quero, de todo, que ela dê demasiado valor ao material. Na verdade também não quero que dê pouco valor. Vou tentar que estime o que tem e que valorize, sobretudo, as brincadeira em conjunto e a nossa companhia e dos amigos. Na verdade, acho que é isso que eles preferem naturalmente.
    Continuação de Festas Felizes!

    ResponderEliminar