menu-topo

Brincar com a Madalena

sexta-feira, novembro 24, 2017
Acredito que os pais com mais que um filho se vão identificar com este post.
A vida é tão a correr e os filhos mais velhos exigem tanta atenção que, às vezes, o mais novo, apesar de ganhar inúmeras, perde algumas coisas por não ser filho único.
Os brinquedos são um destes exemplos.
Percebi que a Madalena não podia só brincar ao que os manos brincam e que precisava de ter o seu espaço, o seu tempo e as suas brincadeiras.
Adequadas ao seu tamanho e desenvolvimento.
Também percebi que é importante ter um bocadinho com ela. Sentada no chão, atenta e feliz.
Brincar faz muito pela formação de uma criança. Desenvolve a capacidade de tomarem decisões sozinhos, a autoestima, a criatividade, a independência, a estabilidade emocional,  a auto-suficiência, a paciência. E nos pais também tem efeitos muito bons, principalmente, de termos feito um bom trabalho com o nosso tempo. É o mais valioso.
Por isso, adorámos [as duas] os Mega Bloks da Fisher Price.
Adorámos a Quinta Mega Bloks porque cá em casa é tudo fã de quintas e animais. E o comboio Mega bloks foi uma diversão porque foi carregado com muita imaginação.
Espero que gostem do vídeo tanto como eu gostei de brincar com a Madalena.
E aqui ficam umas dicas para as brincadeiras aí de casa.

Dicas ensinarmos os nossos filhos a brincar
1. Começar a brincadeira desde bebé
2. Crie um ambiente seguro
3. Guardar tempo e paciência nosso para estarmos focados naquela brincadeira
4. Dê o exemplo na vida prática [se estiver a cozinhar deixe-o brincar com panelas, se estiver ao telemóvel dê-lhe um de brincar]
5. Procurar brinquedos adequados à idade 
6. Dê-lhe o preferido e não o que vocês gosta
7. Deixe-o brincar à sua maneira 
8. Proporcione só uma brincadeira de cada vez
9. Comece a brincadeira e depois saia [autonomia/liberdade]
10. Instale a rotina da brincadeira [não espere que ao início ele brinque horas a fio, a brincadeira será crescente se esta rotina se implantar em vossa casa]
11. Desligue a tv

Beijinhos ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário