menu-topo

Que serviços fazem online?

quarta-feira, outubro 10, 2018
Noutro dia passei por uma fila nas Finanças e questionei-me se toda a gente que ali estava (eram centenas) teriam ou não acesso à internet. Este momento fez-me pensar nos vários avanços e alterações que tem havido com os serviços públicos e nas enormes vantagens que isso traz para as nossas vidas.
Com uma família grande e com um dia-a-dia tão agitado (principalmente agora que tenho andado a mil para fechar a nova edição da Tribo), tudo o que me faça poupar tempo é bem-vindo, por isso, sou fã destes serviços online. Aqui vai a lista de plataformas que utilizo para tratar das questões mais burocráticas (aceito dicas para a troca!):
- O Portal das Finanças, para além de evitarmos as filas intermináveis, permite que, de forma muito intuitiva, tratemos dos assuntos mais burocráticos como por exemplo IRS, IVA e Recibos Verdes;
- O Portal da Saúde que, entre outras funcionalidades, dá-nos a informação do tempo de espera nos vários serviços de urgência existentes, o que é uma grande ajuda principalmente para quem tem filhos pequenos;
- O site do Instituto de Registos e Notariado (IRN) que dá a possibilidade de agendarmos, via online e sem sair de casa, as alterações no Cartão do Cidadão e Passaporte e assim não perder tempo desnecessariamente em filas de espera.
Estes são só alguns exemplos e existem outras coisas que já não faço de outra forma e que nem sei o que seria a vida antes da net. ;)
É incrível, não é? Como mudou a nossa vida em 10 anos. E nalgumas coisas, como esta, para muito melhor!!!
E vocês? O que fazem? Preciso muito de saber!

O INCoDe.2030 tem como objetivo, até 2030, que 90% da população portuguesa tenha acesso digital. Eu achei esta iniciativa de louvar e pus-me a pensar como era antes… Aguardo as vossas dicas! 😉


#incode2030 #inclusaodigital

1 comentário:

  1. Olá Rita! Banco online, sempre! Compras, cada vez mais. De tudo, supermercado (Continente, Jumbo ou el corte ingles), roupa, etc... marco consultas para a médica de família no portal da saúde e peço medicação (que é para a vida).
    Só nas compras de supermercado é que por vezes me aborreço porque não há, enviam errado, ou trocam. E por isso muitas vezes acabo por ir "num instantinho" ao supermercado em vez de fazer online. Mas cada vez tenho menos paciência para isso. Ah, frescos, carne e peixe não compro online.

    ResponderEliminar