menu-topo

A (mega) Sharan da Volkswagen

terça-feira, maio 07, 2019
Já andávamos a falar com a Volkswagen há algum tempo para uma ocasião de experimentarmos a Sharan. Ir para o Zmar foi a desculpa perfeita para dizer aos senhores que estávamos prontos para a experiência. E assim quem andar à procura de um carro gigante fica já com umas luzes sobre este.
Resolvemos então, apesar de sem o meu marido e de serem apenas dois dias, não fazer economias aos objectos a levar. 
Um malão gigante, 2 bicicletas (não vale a pena levarem para o Zmar porque se aluga tudo, até carrinhos para toda a família), uma trotinete, 3 cadeiras as 3 com Isofix.
Baixámos os lugares de trás, fica mesmo um espaço enorme para levarmos coisas,  e as três cadeiras foram, à larga, no banco do meio. Só para verem a qualidade... Não sei se mais algum carro tem esta capacidade. Os de trás também podiam levar mais duas cadeiras (com isofix) caso não precisássemos de uma mala tão grande. Mas quisemos ir à bruta. Dá para levarem massagens lá atrás e até fazer filhos em modo luxo. ahah
Adorei, claro, ser de caixa automática. Acho que na estrada há dois tipos de condutores. Os da caixa automática e os da manual. Os primeiros (que não é o meu caso) são muito mais felizes. ;)
Para lá e para cá (e mais umas voltinhas) não gastei meio depósito de gasóleo. Achei mesmo económico. 
Depois há inúmeros extras como o teto panorâmico que os miúdos amaram óbvio. Alta voz, wifi e segundo percebi até dá para ter internet.
Para mim os grandes pontos altos, para além do espação, foram:
  1.  Um botão no comado que abre portas e malas com um toque só.
  2.  Ou a bagageira que abre com um sensor com o pé caso tenhamos as mãos ocupadas.
3. Para mim a cereja no topo do bolo foi o Cruise Control Adaptativo integrado que é como ter um assistente que controla o trânsito e trava conforme a velocidade do carro da frente. 
O ponto mais fraco talvez seja o design exterior mas até isso eu gosto. Acho familiar e muito versátil para todas as ocasiões. Ah e não se lavar sozinha.;)
Fiz uma viagem incrível e os miúdos não queriam devolver o carro. 



Sem comentários:

Enviar um comentário