Buddy e pai

Tempo de leitura: 2 minutos
Teria dado para lagriminha da manhã se eu tivesse filmado… Mas tinha filhos, duas trelas e muita emoção para gerir. Não estava à espera porque o Buddy nem reconheceu os criadores depois dos 7 meses que esteve com eles. Mas quando apareceu o pai, o super campeão Rowley, foi dos momentos mais queridos do mundo e ficámos todos aos ai-que-queriiiiiido!!!
Fomos a esta exposição de cães no Casino do Estoril que vamos todos os anos, mesmo antes de termos cão. A girl aprendeu a passear um cão em estilo e o boy rebolou na relva como eles. Cenas do nosso quotidiano. (E foi só rir com os penteados deste ano!)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *