fbpx

O meu frigorífico às vezes é um deserto

Tempo de leitura: 2 minutos

Antigamente, antes de ser mãe, ia às compras do mês. Não sei o que isso é desde então. Lembro-me de ter inveja daqueles frigoríficos incríveis com tudo e mais alguma coisa, refrigerantes, molhos, mas hoje em dia não.Gosto de ter fresco, de comprar só o necessário, de comprar fresco para fazer mais saudável e de forma a não haver desperdício. E por isso, muitas vezes, o meu frigorífico fica a zeros. Se antigamente me fazia confusão, hoje em dia até tenho um certo orgulho, por não ter desperdiçado e não ter comprado em excesso. E aí está na hora de voltar ao supermercado.

Obviamente tenho de ir mais vezes, mas também já sou mais rápida nas minhas escolhas e não trago nada que não preciso. Não compro refrigerantes, nem doces, mas perco-me com vegetais, fruta, grãos, sementes e tudo o que é integral. E se tem bio escrito leva logo o meu coração. Antigamente era impossível comprar tudo bio, mas agora até vou conseguindo.

Até porque no supermercado a que vou, o Lidl, está cada vez melhor nisto.  Já consigo comprar lá de forma orgânica ovos, compotas, frutas e legumes, cereais e pão, frutos secos, bolachas e snacks, queijo e leite, azeite e vinagre, entre outros. Depois procuro sempre produtos certificados, como o bacalhau MSC que garante a pesca sustentável, e o cacau, chá e café com selos como Fairtrade, Rainforest Alliance e UTZ, que garantem um cultivo mais sustentável e viável para o futuro. 

Fico mesmo feliz que as grandes superfícies tenham estas preocupações, como também com o plástico, e acho que é aqui que juntos podemos fazer a diferença.E vocês? Como são os vossos hábitos de compra?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *