O dia de S. Valentim está para mim…

Tempo de leitura: 2 minutos

como a televisão está para um bebé…
Vejo cores mas não entendo a história.
É importante namorar, sim senhora mas, por favor,
 mais que uma vez por ano.
A coisa não anda fácil – eu sei! –
com filhos pequenos o romance é ainda mais difícil,
não há muito dinheiro para surpresas exuberantes, mas afinal…
se calhar nem é isso o mais importante!
Com a Troika agora não sei,
mas os restaurantes estão quase sempre cheios neste dia
 – o que em si não é mau de todo –
e quero já lembrar que se pensam ir jantar fora sozinhos
ou com um amigo do mesmo sexo
– nada contra a homossexualidade –
arriscam-se à vontade de cortar os pulsos
ou a passar por pombinhos sem o serem.
A opção é vossa!
Agora, também não vamos deixar passar a data em vão
que dias de festa são sempre para comemorar.
E – todas nós sabemos – é OBRIGATÓRIO apimentar
a nossa relação que andamos sempre exaustas
e a contar os segundos para irmos para a cama
(com ou sem parceiro)!
Mas vamos lá! Porque não um jantar especial
– não querendo entrar na vossa vida privada quem sabe com sobremesa incluída -,
um pequeno gesto, míúdos cedo na cama,
uma garrafa de vinho, (vá, na loucura um vestidinho ou duas gotas de Chanel;))
uma boa conversa, almofadas no chão,
um filme agarradinhos…
(Depois dormem a sesta no sábado!)
Até lá podem rir-se à gargalhada com a prespectiva da ilustradora
Sara-a-dias
com uma visão de ir às lágrimas para o dia mais piroso do ano.

É que não há melhor sedução que o sentido de humor!
Para encomendar aqui!

1 thought on “O dia de S. Valentim está para mim…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *