Um pequeno teste…

Tempo de leitura: 3 minutos

que acho que vai provar o que vivo no dia-a-dia.
Apesar de muitas não conhecerem o pai – o que pode comprometer esta votação – , quem acham 
mais parecido comigo!? O boy ou a girl?!

Vocês elucidem-me nisto.  É que entra uma pessoa e diz que ela é igual a mim.
Logo a seguir vem outro e diz que é ele. E vivo nisto. 😉
Não é uma questão de vida ou de morte, mas acho nunca conversámos sobre esta questão… 😉
E como gosto de vos pôr a par das coisas…;)
Enquanto isso ficam ainda algumas das fotos restantes dos dias (booonnns) que passámos em Caminha.
– Espero que espelhem bem como são os meus filhos –
Respondendo às queridas perguntas que me fizeram: Estivemos poucos dias e vimos muita pouca coisa nas redondezas. Mas viemos apaixonados. Está prometido um regresso, com mais tempo, para explorarmos todos os cantinhos maravilhosos que há por ali.
Muitos beijinhos e viva as férias e o lindo Norte!
(O que diz a minha mãe: que o D é igual mim menos os olhos!
Uma nota da autora: A girl nasceu fotocópia do pai e tem mudado muito…)
Uma coisa tenho a certeza. Duas, aliás! São meus e do meu marido;) e dão gargalhadas como a mãe! 😉


O Socorro! Sou mãe… também está no Facebook

17 thoughts on “Um pequeno teste…

  • Essa questão é difícil Rita. Em algumas fotos, em certas expressões a M.é muito parecida consigo, mas o D. também. É complicado, acho que eles são daqueles miúdos que, quando estão com a mãe toda a gente diz que são tal e qual, quando estão com o pai a coisa repete-se, será? São lindos, uns fofos 🙂 beijinhos

    • Sim, Edien…
      Quem conhece as famílias não tem muitas dúvidas, pelo menos em relação a ela. Ele já é polémico mesmo para quem nos conhece muito bem 😉
      – Prometo que não me portei mal eheheheh –
      Muitos beijinhos

  • Olá Rita, antes de responder à sua questão queria dizer-lhe que os acho lindíssimos e que as suas fotos são maravilhosas, cheias de vida!
    Acho o boy mais parecido consigo, mas a girl deve ter mais expressões, maneiras de falar da mãe, não?
    É que por vezes nem sao as feições mas mais as expressões faciais que fazem sobressair as parecenças!
    Luísa Brás

    • Ohhh tão querida! Obrigada!
      Os dois têm coisas minhas,acho, mas diferentes entre eles e por isso acho que é aí que está a graça..;)
      Nunca ninguém está de acordo… Uns dizem uma coisa outros dizem outra e isso é de chorar a rir! 😉
      Um beijinho enorme

  • Olá Rita.Parabéns pelo blog e por pores palavras nas mães que somos.Lembro-me de ser pequena e não gostar nada quando se iniciava esse tópico.As comparações são sempre uma chatice.A família do meu pai achava que eu era toda ao lado da mãe, a da mãe achava que eu era ao lado do pai… e no "ser parecido" o que se ouve é "pertença".Os filhos de nós têm tudo, nós deles é que só temos metade.
    Achei que devia dar esta palavrinha por eles porque nunca me esqueci desta sensação e hoje vigio-me para não cair na tentação … que é grande !
    Beijinhos

    • Percebo-a lindamente… Também odeio comparações… 😉 só o fiz porque é impossível uma conclusão…
      Acho que os dois têm coisas dos dois, e não é de todo uma escolha unânime, daí a graça;)Mas percebo o que quer dizer!
      Obrigada e muitos beijinhos

  • olá Rita, não conhecendo o Pai acho que eles sãoa cara da Mãe. Mas como já foi dito aqui, é nas expressões do dia-a-dia que conseguimos ir buscar um bocadinho de cada, de todas as formas eles são lindos de morrer e puxammuito à Mãe.
    As fotos estão fantásticas.
    BJ
    (Catarina Lourenço)

  • Olá Rita !
    Não acho nada fácil estas coisas das comparações….
    Mas na verdade a M.tem vindo a mudar….menos parecida com o pai( ainda ontem o nos cruzámos no paredão:ele ía a correr com um amigo….)mas,uma mistura muito bem conseguida.
    O D.,até por ser tão loirinho remete-nos de imediato para a Rita….o que nem sempre é linear…
    Olhe,a minha princesa também é expressivamente « a mãe »…. mas também já mudou….Eles vão mudando…sempre.
    E nós….com eles.
    Beijinhos

    . margarida .

  • Oi Rita,
    Acho a M. a tua cara chapadinha (muito Ferro aí no gene) :). O D. já foi mais parecido com o pai mas agora está a ficar parecido contigo. Esse gene Ferro é tramado… 🙂 beijo grande

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *