O síndrome Paul Potts

Tempo de leitura: < 1 minuto

Na música é mais fácil, mas deveria poder-se aplicar isto em qualquer área
a cada olhadela de cima abaixo, desprezo ou humilhação.

Ao primeiro soslaio era logo um mega Nessum dorma bem perto do ouvido para aprenderem.
Hoje partilhei este e agora vai cá disto.
Aguentem-se nas canetas.
Devo ser a pessoa que mais chora e vibra com estes talentos.

O Socorro! Sou mãe… também está no Facebook

2 thoughts on “O síndrome Paul Potts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *